Filmes

Assistimos | Emoji, o Filme

Vai dizer que nunca bateu aquela preguiça na hora de mandar a mensagem e você mandou um emoji no lugar?
Agora imagine que esses Emojis vivem em um mundo chamado Textopolis e estão sempre prontos para a ação!

O filme conta a história de Gene, o emoji do “meh” ou melhor, que deveria ser o “meh”, porém ele tem uma característica bem singular, ele tem múltiplas expressões. Os emojis vivem em Textopolis, uma cidade que existe dentro do smartphone de Alex. Isso acaba sendo muito interessante, porque mesmo que rápido é muito bacana ver que eles tem vida normais ali dentro e todos dias tem que ir trabalhar para que sejam enviados nas mensagens.

Além de Textopolis, os Emojis navegam por outros aplicativos durante o filme, desde o Instagram, Facebook, Just Dance e até mesmo o DropBox. Com muitos trocadilhos, essa sem dúvida é a parte mais interessante do filme, ver esse “mundo” deles ali.

Por conta dessa singularidade de Gene, ele recebe ajuda de seus amigos emojis para ir atrás de uma Hacker, para que possa reprograma-lo e aí sim ele possa ser o emoji “meh”, senão será deletado para sempre.

Sem dúvida alguma a história do filme não é para o público adulto, porém “Emoji, o Filme” tem um visual e uma qualidade de animação incríveis.

“Emoji – O Filme” traz algumas mensagens bem interessantes, como a questão de aceitarmos quem e como nós somos e ainda critica de uma forma bem leve e sutil, a juventude tão conectada nos celulares sem se importar com os outros a volta. Porém é um filme que falta coragem para entregar essas mensagens de uma forma mais clara e direta.

Eu me surpreendi muito e até me diverti em alguns momentos, “Emoji o Filme”, apesar de ter uma história bem simples, vale totalmente o passeio e tenha certeza que a criançada vai adorar.

Assistimos | Emoji, o Filme
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

To Top